MANAUS, 30/11/18 VEREADOR WILKER BARRETO (PHS) PRESIDE SESSAO SOLENE DE OUTORGA DE DIPLOMA CIDADAO DE MANAUS AO JUIZ DE DIREITO DR. FLAVIO FREITAS (TJAM). FOTO: ROBERVALDO ROCHA / CMM

Os 11 anos de serviços prestados à população do Amazonas pelo juiz auxiliar da presidência do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM), Flávio Henrique Albuquerque de Freitas, foi reconhecido pela Câmara Municipal de Manaus (CMM), que concedeu ao magistrado o diploma Cidadão de Manaus. A solenidade realizada na manhã desta sexta-feira (30/11) contou com presença de desembargadores, juízes, advogados, amigos e familiares do homenageado. A honraria foi uma iniciativa do presidente da CMM, vereador Wilker Barreto (PHS) e aprovada por unanimidade pelos demais parlamentares da Casa.

MANAUS, 30/11/18
VEREADOR WILKER BARRETO (PHS) PRESIDE SESSAO SOLENE DE OUTORGA DE DIPLOMA CIDADAO DE MANAUS AO JUIZ DE DIREITO DR. FLAVIO FREITAS (TJAM).
FOTO: ROBERVALDO ROCHA / CMM

O autor da proposta, Wilker Barreto, justificou a entrega da honraria ao juiz pelo trabalho de destaque prestado para o povo do Amazonas.  “Não é fácil levar a justiça pelo nosso estado, muitas das vezes colocando até a própria vida em risco. O Flavio (Henrique Albuquerque) poderia ter escolhido cinco a seis estados, e o Amazonas foi o grande felizardo. Fico muito feliz como vereador proponente realizar esta homenagem. O nosso homenageado tem todos os pré-requisitos para qualquer medalha, até a maior, que é a Cidade de Manaus. Foi uma escolha unânime por todos os vereadores e agora de fato e direito ele é um legítimo manauara”, justificou Barreto.

MANAUS, 30/11/18
VEREADOR WILKER BARRETO (PHS) PRESIDE SESSAO SOLENE DE OUTORGA DE DIPLOMA CIDADAO DE MANAUS AO JUIZ DE DIREITO DR. FLAVIO FREITAS (TJAM).
FOTO: ROBERVALDO ROCHA / CMM

O juiz que nasceu em Boa Vista, capital do estado de Roraima (RR), morou em Alagoas, onde concluiu a faculdade de Direito, depois trabalhou em Minas Gerais, Sergipe e em Roraima, sua terra natal, de onde mudou-se  para o Amazonas em 2017. O trabalho de levar ao conhecimento dos jovens e da população ribeirinha sobre o funcionamento do poder judiciário, como um “professor voluntário”, fez do juiz um nome de destaque no Estado.

“Fiquei seis anos como juiz em Guajará, interior do Amazonas, depois vim para Manaus a convite do desembargador Flávio Pascarelli, que é muito importante para mim e fez eu dar alguns passos importantes. Fiz muitos trabalhos em São Paulo de Olivença, Guajará, Amaturá, Parintins e Urucará. Estendo meu agradecimento a todos os vereadores que aprovaram de forma unânime esta homenagem”, agradeceu o magistrado.

MANAUS, 30/11/18
VEREADOR WILKER BARRETO (PHS) PRESIDE SESSAO SOLENE DE OUTORGA DE DIPLOMA CIDADAO DE MANAUS AO JUIZ DE DIREITO DR. FLAVIO FREITAS (TJAM).
FOTO: ROBERVALDO ROCHA / CMM

Emocionado com a agora cidadania manauara, o juiz Flávio Henrique não esqueceu o apoio dos pais e amigos que o ajudaram ao longo da jornada de magistratura. “Quando vim para Manaus ganhei muitos irmãos. Recebi diversos apoios e hoje, nasce aqui mais um cidadão de Manaus. Profissionalmente,  não seria nada,  se não fossem algumas pessoas em minha vida. Agradeço ao meu pai que hoje não está mais entre nós, minha mãe que não mora aqui conosco e minha esposa e meus filhos. A gratidão é o único tesouro dos humildes. Sou grato a todos os magistrados com quem tive a oportunidade de trabalhar e aos amigos por dividirem as alegrias comigo”, afirmou o agora cidadão manauara.

Apontado pelo homenageado como um dos principais responsáveis pela carreira na magistratura, o desembargador, Flávio Pascarelli, que representou o Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM) no evento, classificou o homenageado como “diferencial” na magistratura local.  Segundo o desembargador, o juiz tem sido fundamental para o avanço do poder judiciário. “É uma homenagem das mais justas. Apesar de ser das mais justas, ela penas dá formalidade aquilo que já era substancial. O Flávio é um amazonense. É um juiz fundamental no Amazonas e são juízes como o Flávio que fazem a diferença, que vão além das obrigações”, declarou.


Autor do texto: Anderson Silva – Dircom/CMM

Crédito da foto: Robervaldo Rocha – Dircom/CMM

(Visited 83 times, 1 visits today)

Comente esta matéria

Please enter your comment!
Informe seu nome aqui