Os Estados Unidos estão advertindo a União Europeia (UE) para que não use a sua cooperação militar aprofundada como desculpa para proteger o setor de defesa da Europa, afirmando que tais práticas podem minar a Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan).
“Não queremos que essa (cooperação) seja um veículo protecionista para a UE”, disse a embaixadora dos Estados Unidos na Otan, Kay Bailey Hutchison, nesta terça-feira. Ela afirmou que Washington “vai observar cuidadosamente porque, se isso acontecer, poderia estragar a aliança de segurança forte que temos”.

Líderes da UE – 22 países do bloco também são membros da Otan – acordaram no ano passado desenvolver ou comprar conjuntamente equipamentos militares como drones. Washington teme que o processo de licitação possa excluir empresas dos EUA. Fonte: Associated Press.

Estadão Conteúdo

(Visited 6 times, 1 visits today)