O Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM) certificou 120 pessoas por meio do Programa Bombeiro na Comunidade, na tarde desta segunda-feira (05/02), no auditório do Quartel do Comando Geral do CBMAM. A certificação do Programa equivale a um curso de brigadista de edificação de risco médio e é voltado para famílias de baixa renda.

O Bombeiro na Comunidade foi implantado em novembro de 2017, mês de comemoração da emancipação da instituição, com o principal objetivo de aproximar o Corpo de Bombeiros da sociedade. O programa tem parceria com a Prefeitura Municipal de Manaus e da Cruz Vermelha Brasileira Amazonas.

Nesta primeira etapa, 111 comunitários de quatro bairros da capital já foram contemplados, sendo 36 na Colônia Antônio Aleixo, 30 no Santo Agostinho, 25 no Val Paraíso e 20 na Colônia Oliveira Machado.

Com os brigadistas comunitários, o CBMAM trabalha tanto a prevenção quanto à responsabilidade social como explica o comandante geral do Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas, Coronel QOBM Mauro Freire.

“Pensamos em uma maneira de estar mais próximo das pessoas. Com o ‘Bombeiro na Comunidade’, o cidadão ganha um diferencial para o mercado de trabalho, pois nosso curso é equiparado ao curso de brigadista de edificação de risco médio. Ganha também o empresário que contrata essa pessoa, pois estará investindo na segurança de sua empresa. A comunidade, por sua vez, recebe um cidadão capacitado a auxiliar em caso de algum acidente”, afirmou o comandante geral.

Capacitação – O curso é ministrado por bombeiros militares e possui carga horária de 12horas/aula, sendo realizado no turno vespertino (das 13h às 17h), na cozinha comunitária do bairro. Dentre as disciplinas estão: Técnicas de prevenção de acidentes domésticos; Primeiros socorros; Utilização e identificação de extintores; Prática de combate a incêndio; Transporte de pessoas em maca; além de treinamento no nosso campo de gás e linhas de mangueiras.

Interessados – Um dos principais requisitos é a prioridade para pessoas desempregadas e é necessário estar cadastrado no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) mais próximo da residência e aguardar a chamada de abertura do curso. Mais informações podem ser obtidas por meio do telefone 0800 280 8810.

(Visited 18 times, 1 visits today)

Comente esta matéria

Please enter your comment!
Informe seu nome aqui