O Banco do Brasil pediu para Ana Vilela adaptar a música “Trem Bala” para o dia das mães e emociona seus funcionários.

Sobre a letra original

Ana Vilela não imaginava que ao criar a música “Trem-Bala” atingiria a marca de mais de nove milhões de visualizações na internet e muito menos que iria ver o cantor Luan Santana e a modelo Gisele Bündchen cantando o seu sucesso. A paranaense, que tem apenas 18 anos, criou a música em um momento triste da sua vida e contou no Encontro como foi receber todo esse carinho das pessoas na internet: “Foi muito do nada, eu nunca esperei que pudesse acontecer porque era uma música muito pessoal. Eu fiz ela para mim e para pessoas do meu convívio e ela se espalhou para muita gente e muito rápido”.

Trem Bala (versão original)

Ana Vilela

Não é sobre ter todas as pessoas do mundo pra si
É sobre saber que em algum lugar, alguém zela por ti
É sobre cantar e poder escutar mais do que a própria voz
É sobre dançar na chuva de vida que cai sobre nós

É saber se sentir infinito
Num universo tão vasto e bonito, é saber sonhar
Então fazer valer a pena
Cada verso daquele poema sobre acreditar

Não é sobre chegar no topo do mundo e saber que venceu
É sobre escalar e sentir que o caminho te fortaleceu
É sobre ser abrigo e também ter morada em outros corações
E assim ter amigos contigo em todas as situações

A gente não pode ter tudo
Qual seria a graça do mundo se fosse assim?
Por isso eu prefiro sorrisos
E os presentes que a vida trouxe para perto de mim

Não é sobre tudo que o seu dinheiro é capaz de comprar
E sim sobre cada momento, sorriso a se compartilhar
Também não é sobre correr contra o tempo pra ter sempre mais
Porque quando menos se espera, a vida já ficou pra trás
Segura teu filho no colo
Sorria e abraça os teus pais enquanto estão aqui
Que a vida é trem bala, parceiro
E a gente é só passageiro prestes a partir

Laiá, laiá, laiá, laiá, laiá
Laiá, laiá, laiá, laiá, laiá

Segura teu filho no colo
Sorria e abraça os teus pais enquanto estão aqui
Que a vida é trem bala, parceiro
E a gente é só passageiro prestes a partir

Letra da nova versão:

Não é sobre ter todas as pessoas do mundo pra si
É sobre saber que em algum lugar alguém zela por ti
É sobre desde cedo aprender a reconhecer a sua voz
É sobre o amor infinito que sempre existiu entre nós
É saber que você está comigo nos momentos
que eu mais preciso pra me acompanhar
Então fazer valer a pena
cada verso daquele poema sobre o que é amar

Não é sobre chegar no topo do mundo e saber que venceu
É ver que você me ajudou a trilhar cada caminho meu
É sobre ter abrigo e fazer morada no seu coração
E se eu precisar você sempre irá estender sua mão
A gente já passou por tudo
qual seria a graça da vida sem você aqui
Pra ser o meu porto seguro
o presente que a vida me deu logo que eu nasci

Não é sobre tudo o que seu dinheiro é capaz de comprar
E sim sobre cada momento que juntas podemos passar
Contigo aprendi que o mais importante é ser do que ter
E pelo que eu me tornei só tenho a te agradecer

Você me segurou no colo, sorriu, entendeu
Realmente o que era amar
E eu desde o primeiro dia tão pequena
Já soube que em ti podia confiar

E eu desde o primeiro dia tão pequena
Já soube que em ti podia confiar

Ouça abaixo:

(Visited 356 times, 2 visits today)

25 COMENTÁRIOS

  1. Letra da nova versão:

    Não é sobre ter todas as pessoas do mundo pra si
    É sobre saber que em algum lugar alguém zela por ti
    É sobre desde cedo aprender a reconhecer a sua voz
    É sobre o amor infinito que sempre existiu entre nós
    É saber que você está comigo nos momentos
    que eu mais preciso pra me acompanhar
    Então fazer valer a pena
    cada verso daquele poema sobre o que é amar

    Não é sobre chegar no topo do mundo e saber que venceu
    É ver que você me ajudou a trilhar cada caminho meu
    É sobre ter abrigo e fazer morada no seu coração
    E se eu precisar você sempre irá estender sua mão
    A gente já passou por tudo
    qual seria a graça da vida sem você aqui
    Pra ser o meu porto seguro
    o presente que a vida me deu logo que eu nasci

    Não é sobre tudo o que seu dinheiro é capaz de comprar
    E sim sobre cada momento que juntas podemos passar
    Contigo aprendi que o mais importante é ser do que ter
    E pelo que eu me tornei só tenho a te agradecer

    Você me segurou no colo, sorriu, entendeu
    Realmente o que era amar
    E eu desde o primeiro dia tão pequena
    Já soube que em ti podia confiar

    E eu desde o primeiro dia tão pequena
    Já soube que em ti podia confiar

Comente esta matéria

Please enter your comment!
Informe seu nome aqui