Bosco Saraiva anuncia parceria com Senado para TV Câmara
Renan Calheiros, Alfredo Nascimento e Bosco Saraiva

A Câmara Municipal de Manaus será a primeira Casa Legislativa municipal a ter sinal em canal aberto no Brasil, disse o presidente da CMM, Bosco Saraiva (PSDB), na Sessão Plenária desta quarta-feira (16), um dia após reunião com o presidente do Senado Federal, Renan Calheiros (PMDB-AL), para a assinatura do protocolo de intenções que marca o inicio de estudos técnicos para viabilizar a concessão de um dos canais digitais da TV Senado para a transmissão do sinal da TV Câmara Municipal, em Manaus.

Bosco informou aos vereadores sobre a assinatura do protocolo no início da sessão desta quarta e explicou que este é o primeiro passo da etapa que busca dar mais visibilidade e transparência para o trabalho do Legislativo municipal de Manaus. “O protocolo de intenção já está acertado. No protocolo já constam os itens necessários para a formalização do convênio. Uma vez firmado o convênio entre a TV Senado, TV Assembleia e a TV Câmara de Manaus a questão burocrática está equacionada e nós vamos para a prática, para a instalação”, disse.

De acordo com o presidente da Casa, o sinal deve estar em pleno funcionamento ainda neste primeiro semestre. “Até o fim do primeiro semestre nós teremos em mãos essa documentação legal. Na sequência vamos começar a trabalhar os equipamentos e se Deus quiser até o fim do ano nossa TV estará funcionando”, concluiu. Segundo Saraiva, o concurso público para contratação de profissionais para a TV Câmara também está previsto no cronograma de implantação do sinal aberto. “No planejamento da televisão passa o concurso público, estamos cumprindo as etapas e tudo está dentro do cronograma”, confirmou.

Os projetos básicos destinados à reestruturação da TV Câmara Manaus já foram finalizados e a Comissão de Licitação da Câmara irá disparar as concorrências no próximo mês. Além da compra dos equipamentos, haverá intervenção civil, elétrica e de rede na estrutura da TV Câmara.

Aprovação dos vereadores

A iniciativa foi elogiada por parlamentares da situação e oposição que lembraram a importância de divulgar os trabalhos legislativos da Casa por um canal aberto, de fácil acesso para todos os moradores de Manaus. “A população tem que formar juízo de valor do que ela vê e não do que alguém diz sobre os fatos. Com isso, vossa administração marca um gol de placa”, disse Waldemir José (PT) ao presidente da CMM. Massami Miki (PSL) reiterou dizendo que o canal 99 na NET, que a CMM disponibiliza atualmente, não é suficiente para chegar a toda a população como o canal aberto.

Para o líder do PSDB na Casa, Mário Frota, os parlamentares têm que ocupar o tempo na televisão para mostrar o trabalho realizado na Câmara, não só durante as sessões plenárias ordinárias, mas nas comissões e trabalhos externos. Gilmar nascimento (PDT) reforçou o argumento ao dizer que a população poderá exercer um controle externo maior com a ampla cobertura que a CMM terá em canal aberto. “É preciso mostrar que trabalhamos no recesso, 24 horas por dia e todos os dias da semana e não apenas três vezes por semana. Estamos quebrando paradigmas”, disse Nascimento.

As decisões tomadas desde o início da gestão como a extinção do auxílio paletó foram lembradas pelo vereador Walfran Torres (PTC), Roberto Sabino (PROS) e Wilker Barreto (PHS). “A TV Câmara em canal aberto representa o estreitamento com a população. Nosso trabalho transcende as sessões plenárias e precisamos que a população conheça a função do vereador e tire esse estigma negativo de que o parlamentar não trabalha em dia que não há sessão”, declarou Walfran Torres. “Que a sociedade esteja mais atenta no exercício parlamentar e que exija mais eficiência do parlamento”, disse sobre a possibilidade de divulgação do trabalho do parlamentar em canal aberto a partir da parceria com a TV Senado.

O protocolo de intenções

O protocolo de intenções foi assinado nesta terça-feira, 15 de abril, pelo presidente do Senado Federal, Renan Calheiros, presidente da Câmara Municipal de Manaus, Bosco Saraiva e pelo senador Alfredo Nascimento (PR/AM).

De acordo com os convênios assinados com a Câmara dos Deputados e com a Assembleia Legislativa do Amazonas, na implantação da TV Senado em Manaus, o Senado Federal cede os subcanais 55.2 para a transmissão da TV Assembleia, da Assembleia Legislativa do Amazonas; e o 55.3 para a TV Câmara, da Câmara dos Deputados. O objetivo da Câmara Municipal de Manaus, de acordo com o presidente, vereador Bosco Saraiva (PSDB), é transmitir a programação da TV Câmara Municipal de Manaus por meio do canal 55.4.

À CMM caberá instalar a subestação de energia para abastecimento dos transmissores, o novo no break da estação transmissora, já adquirido pela TV Senado. A Câmara será responsável pela produção de conteúdo de 24 horas de programação da faixa cedida pelo Senado, entre outras. 

Comente esta matéria

Please enter your comment!
Informe seu nome aqui